S T Q Q S S D
mixsórdia

Mixsórdia >> Guia Cultural >> Belo Horizonte | MG | Brasil
mix.sór.dia (sin) >> miscelânea de aconteces >>
sair da inércia e arranhar o diverso >>
hoje à tarde? amanhã à noite? >> pulsar


Quarta Feira 16/02 – Sambêro

mestre_01mestre_02

Mestre Jonas oficializa lançamento de seu primeiro álbum em show

“Sambêro”, primeiro álbum de Mestre Jonas, concorreu ao Prêmio Mixsórdia 2010, mas fique registrado neste guia que o lançamento oficial será com um show nesta quarta-feira, no teatro Dom Silvério (Savassi). Belo-horizontino do Aglomerado da Serra, o  violonista, cantor e compositor Mestre Jonas nasceu em 1976 e já conta quase uma década de carreira – inclusive à frente de projetos musicais importantes em BH, como o Samba do Compositor e o Samba da Madrugada. Nessa estreia em disco, o Mestre se deixa conduzir pela música africana, no encalço de Gismonti, Powell e outros nomes do século 20 até chegar ao jazz, na companhia de contemporâneos seus, como Leopoldina e Thiago Delegado. Tal variedade sonora é traduzida pelo nome “Sambêro” – a gíria carioca, que denota falta de intimidade com o samba, sugere que nesse CD o gênero aparece relativizado. Compondo a programação do Verão Arte Contemporânea, o show terá participações de Sérgio Pererê, Titane, Silvia Gommes, Lenora Weissmann (autora das ilustrações do encarte), Carolina Araújo e Miguel dos Anjos.

Mestre Jonas no MySpace // Blog do Mestre Jonas // VAC 2011 // Teatro Dom Silvério/Chevrolet Hall

Local: Teatro Dom Silvério – avenida Senhora do Carmo, 230, Savassi // Horário: 20h // Entrada: R$ 14 (inteira) e R$ 7 (meia) // Informações: (31) 3209-8989


Quarta Feira 16/02 Cultura, Arte e Poder

cultura_01cultura_02

Mostra de cinema continua, agora no Cento e Quatro

Até esta quinta-feira, 17, a II Mostra Cultura, Arte e Poder, exibida na Humberto Mauro, acontece também no Cine Cento e Quatro, com entrada gratuita, dentro da programação do Verão Arte Contemporânea 2011. Com curadoria de Sávio Leite, a mostra trata de semelhanças e especificidades da linguagem audiovisual em filmes que dialogam no eixo da cultura, da arte e do poder. Serão exibidos curtas e longas-metragens de jovens talentos e consagrados diretores cinematográficos brasileiros. Nesta quarta, a partir das 18h, serão exibidos 8 curtas. Dentre eles, “Pólis” (Marcos Pimentel), “Último Retrato” (Abelardo de Carvalho), “Oigo Tu Grito” (Pablo Lamar) e “Kombucha”, do próprio Sávio. Às 20h40, será exibido o longa “Terra Deu, Terra Come”, de Rodrigo Siqueira. Na quinta, a partir das 17h, serão exibidos sete curtas de Éder Santos e o longa “Filmefobia”, de Kiko Goifman.

Blog Cinemartepoder // Verão Arte Contemporânea // Cento e Quatro

Local: CentoeQuatro – Praça Ruy Barbosa 104, Centro // Horário: 18h // Entrada: gratuita // Informações: (31) 3222-6457


Quinta Feira 17/02 – Objetos Colocados

objetos_01objetos_02

Exposição reúne trabalhos de Pedro Lire e Luiz E. Campos

Seguindo o gesto de designação iniciado com Duchamp, os objetos são retirados de sua função e tratados como signo nas obras que Pedro Lire e Luiz E. Campos reúnem em “Objetos Colocados”, na Biblioteca Central da UFMG (Pampulha). Pedro diz ter “um carinho muito especial pelos objetos”, o que não deve ser entendido como apego afetuoso, mas como reverência a uma forma que pré-existe e resiste – manufatura ou natureza em pé de igualdade. Mostra, lado a lado, gravuras realizadas em 2009 e 2010 e “o lugar de onde elas vieram”. São peças derivadas dos objetos que um dia foram, como ferragens, um solado de chinelo, braços e pernas de bonecas ou dois bancos de ardósia convertidos em escultura, um deitado, outro quebrado. Mesmo rotos, estão presentes e íntegros no que lhes resta de materialidade. Nos desenhos, reproduzidos em lito sobre papel, chegam a sangrar. As palavras que acompanham as imagens não as nomeiam, mas preenchem os vazios da folha, ora como pichações, ora como pensamentos que desejam ter a dureza e a definição de um objeto. Já nas pinturas de Luiz E. Campos, números aparecem como imagens e peões de jogar damas surgem repetidos e esmaecidos como gastos carimbos ou quase se afogam em meio a grossas camadas de tinta sobre madeira, como um turvo céu ou superfície de oceano. A exposição pode ser visitada até 15 de março.

Flickr do Pedro Lire // Portfólio on-line do Luiz E. Lemos

Local: Biblioteca Central da UFMG – av. Antônio Carlos, 6.627, Pampulha // Horário: seg. a sex., 8h a 22h // Entrada: gratuita // Informações: (31) 3409-4648/6402


Destaque 17/02 Teatro

marcha_01marcha_02

‘Marcha para Zenturo’ e ‘Seja Breve’ voltam aos palcos de BH

O tempo é elemento central em duas peças que voltam a cartaz em curtas temporadas até domingo, na programação do 5º VAC. Em “Seja Breve: Uma Comédia Bilíngue”, ele é interpretado segundo a sabedoria popular, como aquele que passa e cura as relações fragmentadas e efêmeras. A peça, que pode ser vista no teatro Alterosa (Floresta) a partir desta quinta, é a segunda montagem do Grupo Set e estreou em dezembro de 2009. Já em “Marcha para Zenturo”, o tempo em questão é uma interseção entre um estado intimista (caro à belo-horizontina Espanca) e um contexto histórico (revisitado pelo paulistano Grupo XIX). É o espírito de uma época, esta. A montagem é de 2010, o ano que marca o fim da primeira década de um século que se projeta 400 anos no futuro. Em 2441, reproduz-se presencialmente as conversas assincrônicas via e-mail ou mural de rede social e, habituados aos auto-retratos instantâneos tirados com gadgets, não se sustenta uma pose juntos para a posteridade. O deslocamento temporal não é um exercício de futurologia, mas um esforço para captar este agora – ainda que todos saiam desencontrados nas fotos ou que passem despercebidos pelo próprio corpo. É a ponta de um iceberg que derrete no chão da sala, formando uma poça de nível imensurável pelos ambientalistas, enquanto o mundo segue marchando, sentado na plateia. No Klauss Vianna (Mangabeiras), a partir de quarta.

Espanca // Oi Futuro // Teatro Alterosa // VAC

Marcha para Zenturo – Local: Teatro Klauss Vianna – Oi Futuro – av. Afonso Pena, 4.001, Mangabeiras // Horário: qua. a sáb., 21h; dom., 19h // Informações: (31) 3229-3131

Seja Breve – Local: Teatro Alterosa – av. Assis Chateaubriand, 499, Floresta // Horário: qui. a sáb., 21h; dom., 19h // Informações: (31) 3194-9305

Entrada: R$14 (inteira); R$7 (meia)


Sexta Feira 18/02 Portuguesia

poirtuguesa_01poirtuguesa_02

BH é a primeira parada da terceira edição do projeto literário

Começa nesta sexta, o 3º Portuguesia – Festa da Poesia de Línguas Portuguesas e Espanholas. O evento, que compõe a programação do 5º Verão Arte Contemporânea, vai até domingo e ainda este ano será realizado também em São Paulo, Porto Alegre e Vila Nova de Famalicão, em Portugal. Artistas de BH e de outras cinco cidades brasileiras, além de representantes de Portugal, Angola, Argentina, Espanha e uma pesquisadora finlandesa, apresentarão as línguas da poesia por meio de livros, vídeos, debates, autógrafos, performances e instalações. A abertura será a partir das 14h30 desta sexta, com a apresentação de “Portuguesia”, por Wilmar Silva, autor do projeto, e segue até as 22h. Confira no site do VAC a programação completa dos três dias de evento, que se divide entre o Palácio das Artes (Centro) e o Instituto Cervantes (Serra) e tem entrada gratuita.

Portuguesia // VAC // FCS/Palácio das Artes // Instituto Cervantes de Belo Horizonte

Local: Palácio das Artes – av. Afonso Pena, 1.537, Centro // Informações: (31) 3236-7400

Local: Instituto Cervantes de Belo Horizonte – praça Milton Campos, 16, 2º andar, Serra // Informações: (31) 3789-1600


Destaque 18/02 Paisagens Deslocadas

paisagensdeslocadas_01paisagensdeslocadas_02

Elisa Campos e Augustin de Tugny lançam catálogo da exposição com bate-papo

Será lançado nesta sexta o catálogo da exposição “Paisagens Deslocadas”, na qual a artista Elisa Campos propõe um passeio pelos bastidores do Museu de Arte da Pampulha (MAP), conduzido por instalações fotográficas, vídeos e projeções. A publicação é um registro fotográfico que busca fazer o percurso da exposição, aberta desde dezembro. A data e o horário do evento de lançamento foram especialmente escolhidos para que os visitantes possam ver uma obra inédita: a lua cheia projetada em uma instalação no museu. O evento terá ainda um bate-papo com participação do arquiteto e professor da UFMG, Augustin de Tugny, que assina um texto no catálogo. Paulista radicada em BH, Elisa Campos tem história com o MAP, onde coordenou o Departamento de Artes Plásticas. Atualmente, é professora na Escola de Belas Artes da UFMG. A exposição pode ser visitada até 20 de março.

Elisa Campos // MAP

Local: Museu de Arte da Pampulha – av. Otacílio Negrão de Lima, 16.585, Jardim Atlântico – Pampulha // Horário: a partir das 18h30 // Entrada: gratuita; participantes do lançamento receberão o catálogo gratuitamente // Informações: (31) 3277-7996; map@pbh.gov.br


Sexta Feira 18/02 Amar&Brincar

somaie_01somaie_02

Lançamento de revista Somaiê no Ystilingue

A revista Amar&Brincar será lançada esta sexta, no Ystilingue, com um bate-papo sobre o tema “Crias do Futuro” e um sarau, regados a caipirinhas e sucos. A publicação é editada pelo Somaiê Beagá, grupo que pratica uma terapia derivada do Soma, método desenvolvido por Roberto Freire durante o período da ditadura militar no Brasil para libertar o corpo das neuroses assimiladas sob os efeitos de uma pedagogia escolar autoritária, de um estado violento, de religiões e de uma mídia castradoras, ainda operantes. Quem comprar um exemplar da revista Amar&Brincar terá direito a uma vivência Somaiê grátis.

Somaiê Beagá // Teoria Somaiê // Ystilingue

Local: Ystilingue – Edifício Malleta – av. Augusto de Lima, 233, sobreloja 35, Centro // Horário: 19h a 22h // Entrada: gratuita // Preço da revista: não informado // Informações: Lucas (31) 8860-8566 ou Camilo (31) 9769-5308


Sexta Feira 18/02 Alta Fidelidade

alta_01alta_02

Festa retorna ao Studio Bar

Terceira colocada no Prêmio Mixsórdia 2010, a Alta Fidelidade, depois do circuito de verão que rodou quatro casas em Beagá, retorna ao Studio Bar. Como sempre, a festa corre 100% no vinil, com os DJs da equipe Alta Fidelidade: Deivid, Fael, Garrell, JJBZ e Kowalsky. No toca-discos, muito soul, funk, rock, disco, hip hop. A festa costuma lotar a casa, portanto, chegue cedo para garantir sua entrada.

Alta Fidelidade // Studio Bar

Local: Studio Bar – rua Guajajaras, 842, Centro // Horário: 22h // Entrada: R$20 (fem.) e R$25 (masc.) // Informações: (31) 3047-1020


Sexta Feira 18/02 Fone Dourado

fonedourado_01fonedourado_02

Site musical faz a festa na dDuck

Criado inicialmente como um Tumblr de dicas de músicas, o Fone Dourado é uma referência sobre novidades musicais. Sob o comando de Ricardo Bizafra, Tiago Gamaliel, Vinicius Raposa, Rafael do Coqueiro e Natacha Gré, o blog sai da internet e vira festa nesta sexta na dDuck. Durante a noite, além dos responsáveis pelo blog, discotecam os DJs Tooleo e Nest. A fetsa promete muitas músicas novas com tendência a virar grandes hits misturadas a sucessos divertidos.

Fone Dourado // dDuck

Local: dDuck – Rua Pernambuco, 1.316, Savassi // Horário: 23h // Entrada: R$20 // Informações: (31) 9771-6669


Sábado 19/02 Cabruêra

cabruera_01cabruera_02

Banda paraibana faz show em BH

Formada por colegas de faculdade, a paraibana Cabruêra reúne quatro músicos com influências que vão do cancioneiro popular da Paraíba à eletrônica. Depois de diversas turnês no Brasil e no exterior e lançamento dos CDs “Cabruêra” (2000), “Samba da Minha Terra” (2004) e “Sons da Paraíba” (2005), a banda retorna aos palcos belorizontinos. Dessa vez, a música regionalista e o rock se encontram neste sábado, na Utópica Marcenaria (Santa Lúcia), na terceira edição da Manifesta, produzida pelo coletivo Pegada. O grupo Samba de Luiz abre a noite, na companhia de Dokttor Bhu e Shabê, misturando samba, baião, rap e hip hop. A pista fica por conta do DJ Rodrigo Hacienda.

Cabruêra // Pegada // Utópica

Local: Utópica Marcenaria – Av. Raja Gabáglia, 4.700, Santa Lúcia // Horário: 21h // Entrada: R$20 // Informações: (31) 3296-2868


Sábado 19/02 – Roodboss

roodboss_01roodboss_02

Soundsystem discoteca em esquina na Savassi

Enquanto o Roodboss não retoma seu circuito itinerante por praças de Beagá – a décima edição, a primeira de 2011 está marcada para depois do Carnaval, em 19 de março – os saudosos podem curtir o soundsystem na tarde deste sábado. A discotecagem será na esquina da rua Sergipe com avenida Getúlio Vargas, no Bar Imperial, a partir das 14h e com previsão de se estender até as 22h. Apesar de ser o endereço de um comércio, o evento será de graça.

Roodboss Soundsystem

Local: Esquina da Sergipe com Getúlio Vargas (Bar Imperial), Savassi // Horário: 14h a 22h // Entrada: gratuita


Sábado 19/02 CatchMe! Party

catchme_01catchme_02

Festa para meninas na UP E-music

Parceria das DJs residentes Barbara Deister e Ana Sylvia, a festa mensal CatchMe! começou no final de 2010 para suprir a falta de um evento específico para meninas em Beagá. DJs meninas tocam do rock e electro-rock ao indie e pop principalmente com vocal feminino. Apesar de ser voltada para garotas, sempre é convidado um menino para equilibrar o line-up e não virar uma festa de luluzinhas, já que moços são bem-vindos. A edição deste sábado, Gata e Sapato, conta com as DJs Sofia, Ana Sylvia, Barbara Deister (B-day), Rock Horror , Mariana Gogu (debut) e Claudia Wermelinger. As “cats” com os sapatos mais bonitos da noite vão ganhar uma taça de champagne e também haverá o sorteio de garrafas de espumante a cada hora de festa – com o fim do horário de verão, a madrugada ganha champagne extra. O sorteio é válido para os 100 primeiros pagantes. Siga no Twitter o sorteio de cortesias.

CatchMe Party no Twitter

Local: UP E-music – Av. Getúlio Vargas, 1.423, Savassi // Horário: 23h // Entrada: R$15; R$20 após 1h30; R$12 com nome na lista: catchmeparty@gmail.com // Informações: @catchmeparty


Sábado 19/02 – Concurso de Pintura de Calouros

calouros_01calouros_02

Evento de alunos da Guignard chega à quarta edição

O costume de pintar calouros universitários se transformou em um evento já tradicional na Guignard/UEMG. Realizado por alunos e pela direção da escola desde 2008, o Concurso de Pintura de Calouros terá sua quarta edição neste sábado. Para participar, veteranos devem levar um calouro e material de pintura para o gramado da Guignard (Mangabeiras) a partir das 10h. O desfile será na praça da Bandeira, e a dupla vencedora será anunciada no Pastel (na avenida Afonso Pena), às 14h. Quem levar um convidado que não seja aluno da escola terá cerveja liberada.

Fotos do 1º Concurso // UEMG

Local: Gramado da Escola Guignard – rua Ascânio Burlamarque, 540, Mangabeiras // Horário: a partir das 10h // Entrada gratuita


Domingo 20/02 – De Rua

derua_01derua_02

Game of Skate está de volta

Além das disputas de rimas, de batidas e de dança, a Família de Rua ainda realiza o De Rua Game of Skate, completando sua atuação na promoção da cultura hip hop e urbana. A batalha esportiva e estilosa, que também tem lugar debaixo do viaduto Santa Tereza, está de volta neste domingo. Para particpar, os skatistas devem se inscrever na hora, pagando uma taxa de R$5 – e o vencedor leva toda a grana arrecadada com as inscrições. O público só precisa chegar para assistir e aplaudir.

Duelo de MCs

Local: Debaixo do Viaduto Santa Tereza, Centro // Horário: a partir de 14h // Inscrições: R$5 // Acesso para o público: gratuito


Domingo 20/02 – Bloco da Cidade

blocodacidade_01blocodacidade_02

Último ensaio antes do desfile será neste domingo

O Bloco da Cidade, que propõe uma reflexão sobre o futuro de BH, faz neste domingo seu último ensaio, na quadra da escola Cidade Jardim (Conjunto Santa Maria), com a presença de importantes sambistas mineiros, como Domingos do Cavaco, Fabinho do Terreiro, Dona Elisa, Bira Favela, Paizinho do Cavaco, Warley Henrique, Mestre Conga e Lúcia Santos. No domingo que vem, dia 27, às 16h, o bloco sairá pelo centro, a partir da rua Sapucaí (Floresta), puxado pela bateria da escola e pelo Dois do Samba e com participação da Escola de Samba “Liberdade Ainda que Tan Tan”, composta por integrantes da rede de saúde mental de MG, e do grupo “Arco Íris”, representando o movimento LGBT. O desfile também celebra os 50 anos do GRES Cidade Jardim – escola que deu origem ao bloco.

GRES Cidade Jardim

Local: Quadra da Escola de Samba Cidade Jardim – rua do Mercado, s nº, Conjunto Santa Maria // Horário: 16h a 20h // Entrada: R$5 // Informações: (31) 8478-6645


Segunda Feira 21/02 – 5º Festival de Verão da UFMG

festivaldeverao_01festivaldeverao_02

Inscrições para oficinas durante o Carnaval começam nesta segunda

“Narrativas Visuais dos Desfiles das Escolas de Samba” é a única oficina cujo tema guarda relação com o Carnaval dentre as 25 que serão ofertadas durante o Festival de Verão da UFMG, que este ano será realizado de 5 a 8 de março, no campus Pampulha. Jogos digitais, música cubana, química e biodiversidade são alguns dos outros assuntos abordados nas aulas ministradas por professores da universidade e convidados e que se destinam a pessoas de diversas faixas etárias e níveis de formação. As oficinas têm vagas limitadas e as inscrições, que devem ser feitas pela internet, custam R$20.

Mais informações // Festival de Verão da UFMG

Inscrições: pelo último site acima // Valor: R$20 // Informações: (31) 3409-4220


Destaque 21/02 – Inéditos em BH

film_01film_02

“Filme Socialismo” e “Minha Terra, África” estão na mostra da Humberto Mauro

No mês em que se oficializou o fechamento do Usina, no Lourdes, o público belo-horizontino de cinema alternativo pode buscar alento na mostra “Inéditos em BH”, que a partir desta segunda terá sessões na Humberto Mauro de filmes recentes ainda não exibidos na cidade. O destaque é justamente o filme que abre a programação – nesta segunda, às 17h -, “Minha Terra, África”. Com Isabelle Huppert e direção de Claire Denis, a produção franco-camaronesa trata da política de trocas e valores envolvida nas questões colonial e racial no continente africano. Também será exibido nesta segunda, às 19h, “Filme Socialismo”, no qual Godard questiona o estado atual do capitalismo. Os demais filmes da mostra, que vai até 20 de março, são: “Ervas Daninhas” (Alain Resnais, 2009), “Vincere” (Marco Bellochio, 2009), “O Que Resta do Tempo” (Elia Suleiman, 2009) e os nacionais “Os Inquilinos” (Sérgio Bianchi, 2010) e “Erva do Rato” (Júlio Bressane, 2008). Confira datas e horários de exibição no site abaixo.

FCS/Palácio das Artes

Local: Cine Humberto Mauro – Palácio das Artes – av. Afonso Pena, 1.537, Centro // Horário: confira a programação completa no site acima; até 20/03 // Entrada: R$5 (inteira); R$2,50 (meia) // Informações: (31) 3236-7400


Terça Feira 22/02 – Rede Lab Minas

redelab_01redelab_02

Evento terá debates, mostra de vídeos e apresentações de teatro e música

A partir desta terça-feira, o Rede Lab Minas, evento de arte e tecnologias digitais, promoverá debates, uma mostra de vídeos e apresentações de música e teatro no Espaço Cento e Quatro (centro). O evento gira em torno do trabalho em rede empreendido pelos 14 projetos beneficiados pelo programa cultural de uma empresa de telefonia celular. Para participar da Arena de Debates, é necessário fazer inscrição, gratuita, pela internet – acesse o site pelo primeiro link abaixo e clique em “Participe”, na caixa roxa no canto inferior direito da página. O evento segue até a próxima sexta-feira, 25 de fevereiro. Consulte a programação completa nos sites abaixo.

Rede Lab // Cento e Quatro

Local: Espaço Cento e Quatro – praça Ruy Barbosa, 104, Centro // Horário: 22 a 25/02 (ter. a sex.), 15h a 22h // Entrada: gratuita // Informações: (31) 3222-6457


Mxs Bônus Mostra de Design

mostradedesign_01mostradedesign_02

Estão abertos editais para concursos de cartaz e reportagem

A Mostra de Design será realizada entre 29 de abril a 29 de maio, mas as inscrições para participar de dois concursos já estão abertas. O tema do 2º Prêmio Letras de Jornalismo é “Design, Política e Interesse Público”. A ideia é que os candidatos pesquisem sobre os desdobramentos do design na sociedade e revelem fatos que mostrem sua atuação de forma positiva, tanto na economia quanto na política. Para participar, basta escrever uma reportagem ou um artigo de 7.000 a 18.000 caracteres a ser entregue até 25 de março. Os cinco primeiros colocados receberão vale-compras em livros. O Concurso de Cartazes explora o mesmo tema e os trabalhos devem ser enviado até 31 de março. O criador da proposta vencedora receberá um vale-compras para a Feira de Design, programada para 29 de maio. Realizada desde 2005 pelo Café com Letras, a mostra terá outras atividades, como seminário, exposição, workshop e um piquenique.

Mostra de Design 2011


Mxs Bônus 365 Nuncas

365nuncas_01365nuncas_02

Moças registram em blogs ações jamais antes experimentadas

As mineiras Steffania Paola, publicitária, e Elisa Mendes, fotógrafa, começaram 2011 determinadas a fazer, cada dia, uma coisa nova. São ações prosaicas (abraçar com o coração, peitos esquerdos alinhados), delicadas surpresas (presentear desconhecidos com bombons) e “nuncas naturais” (fotografar, a trabalho, uma über celebridade ). Desde 1º de janeiro, elas vêm registrando tudo, ora em texto, às vezes em foto, outras em vídeo, e publicando no site “365 nuncas”, seu projeto “artchístico”.

365 nuncas